Prefeito do PP contraria orientação da legenda e vai apoiar Paulo Souto

Postado em jun 18 2014 - 6:20pm por Jornal da Chapada
pp

O prefeito de Buritirama, Arival Viana (PP) | FOTO: Emerson Nunes/Política Livre |

O prefeito de Buritirama, no Oeste baiano, Arival Viana, vai contrariar o Partido Progressista, do qual é filiado para apoiar a candidatura de Paulo Souto ao governo da Bahia. Segundo ele, a escolha de João Leão como vice na chapa do pré-candidato do governo, Rui Costa (PT), fez com que ele mantivesse o apoio a Paulo Souto. “Eu sempre votei com Paulo Souto e nunca votei com o PT. Sou filiado ao PP e toda a minha trajetória nos meus cinco mandatos como prefeito fui filiado a este partido, que agora caiu nas mãos de João Leão e eles quiseram forçar a barra e me obrigar a votar com o PT. Eu não sou obrigado a contrariar os meus princípios e apoiar a chapa de um candidato que eu não acredito nele em detrimento de outro que eu conheço a trajetória. Eu resolvi comprar a briga, essa briga está feia e Wagner esteve em um município vizinho ao meu e o foco dele foram as minhas atitudes”, desabafou.

O pepista disse ainda que o governador errou ao escolher Leão em detrimento de do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, o deputado Marcelo Nilo (PDT). Questionado pelo Política Livre, já que a região Oeste é conhecida por garantir muitos votos à João Leão nas últimas eleições, Arival Viana negou. “Lá no Oeste a eleição está diferente e agente sente o clamor da população, que não quer a continuidade desse governo. Tem muito prefeito ‘na moita’, dizendo que está com Wagner porque espera alguma obra de alguma promessa que ele fez e agora diz que vai fazer em poucos meses. Tem outros só esperando a Copa passar para começar a debandada. Vai ter uma debandada lá no Oeste. Foi um erro do governador achar que Leão agregaria. João Leão desagrega mais do que agrega”, concluiu. Extraído do site Política Livre.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.