Chapada: Adab apreende medicamentos e agrotóxicos clandestinos em Itaberaba

Postado em jul 22 2014 - 4:13pm por Jornal da Chapada
agro

Foram descobertas várias revendas clandestinas – sem credenciamento na Adab | FOTO: Reprodução/Meramente Ilustrativo |

A Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), intensificou a fiscalização de revendas credenciadas para a comercialização de produtos veterinários (medicamentos quimioterápicos e vacinas) e agrotóxicos. As diversas ações aconteceram em junho e julho nos municípios que compõem a Coordenadoria Regional de Itaberaba, nos territórios de identidade de Piemonte do Paraguaçu e Chapada Diamantina, resultando em 300 quilos de produtos irregulares apreendidos.

Foram descobertas várias revendas clandestinas – sem credenciamento na Adab -, onde os fiscais recolheram produtos com validade vencida, sem registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), além de reprimir a comercialização irregular de agrotóxicos, de produtos falsificados e proibidos, a exemplo do chumbinho.

“Os proprietários dos estabelecimentos autuados, além de terem os produtos recolhidos, foram orientados para fazer o cadastramento do comércio, evitando futuros transtornos com a fiscalização”, disse o coordenador regional da Adab em Itaberaba, Luciano Lima. Segundo ele, na ação foram fiscalizados mercados e supermercados, casa de rações, lojas de material de construção e comércio em geral, totalizando dez revendas cadastradas e 25 sem registro.

Revendas autorizadas
Para o diretor de Defesa Vegetal, Armando Sá, os produtores só devem comprar defensivos agrícolas em revendas autorizadas, que passam por frequentes fiscalizações, visando garantir um alimento saudável para a população, além da segurança dos aplicadores.

A fiscalização das revendas credenciadas, que é de responsabilidade da Adab, tem como principal preocupação verificar itens a exemplo do acondicionamento de vacinas em temperatura adequada, controle do estoque de vacinas e agrotóxicos, venda de produtos registrados e no prazo de validade, e cumprimento das exigências para comercialização de agrotóxicos.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.