Superior Tribunal de Justiça mantém penas de pilotos do jato Legacy

Postado em ago 7 2014 - 6:24pm por Jornal da Chapada
stj

O tribunal também rejeitou pedido do Ministério Público de prisão preventiva dos pilotos, que estão nos Estados Unidos | FOTO: Reprodução |

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta quinta-feira (7) manter em três anos e um mês de prisão a pena dos pilotos norte-americanos Joseph Lepore e Jan Paul Paladino, condenados pelo acidente entre o jato Legacy e o Boeing 737 da empresa aérea Gol, em 2006, no qual 154 pessoas morreram.

A maioria dos ministros entendeu que não é possível aumentar a pena base dos condenados com base no número de vítimas, conforme pedido do Ministério Público Federal. A pena foi definida pela Justiça Federal. O tribunal também rejeitou pedido do Ministério Público de prisão preventiva dos pilotos, que estão nos Estados Unidos. Da Agência Brasil.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.