Chapada: Agricultores familiares da região são beneficiados com 8 milhões de mudas de palma

Postado em set 5 2014 - 3:45pm por Jornal da Chapada
familiares

Esta distribuição está sendo articulada entre a EBDA, prefeituras, sindicatos dos trabalhadores rurais e sociedade civil | FOTO: Reprodução |

Milhares de agricultores familiares do semiárido baiano serão beneficiados com 20 milhões de mudas de palma produzidas em 14 estações experimentais da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), vinculada à Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri). A ação vai transferir cerca de R$ 6 milhões, em mudas, para agricultores familiares. Esta distribuição está sendo articulada entre a EBDA, prefeituras, sindicatos dos trabalhadores rurais e sociedade civil, por meio de encontros nos municípios que sediam as estações experimentais. Na cidade de Utinga, localizada na região da Chapada Diamantina, a estação experimental da EBDA produziu, até o momento, aproximadamente oito milhões de mudas de palma resistentes à Cochonilha do Carmim. A mobilização no município aconteceu na última quarta-feira (3) e contou com representantes de cerca de 70 municípios que serão beneficiados com as mudas.

De acordo com Itamar Monteiro, responsável pela estação experimental de Utinga, o objetivo é repassar para os agricultores familiares todo investimento feito na produção das mudas de palma, nos últimos dois anos. “Só para particularizar, nós temos aqui na estação experimental de Utinga, uma base de oito milhões de raquetes de palma, correspondente a R$ 2 milhões que serão transferidos para os agricultores familiares nesta distribuição”, pontuou Monteiro.

Para otimizar os resultados do programa, o Diretor de Pecuária da EBDA, Marcelo Matos, destaca a importância da parceria dos municípios. “Estamos celebrando a colheita de 20 milhões de mudas de palma em todas as nossas estações. Temos as mudas, mas precisamos de parceria para colher, transportar, fazendo com que essas mudas cheguem até os agricultores familiares, por isso estamos mobilizando a sociedade civil, associações, prefeituras e sindicatos”.

Parceria
As prefeituras que firmarem parcerias com a EBDA serão responsáveis pela colheita, transporte e distribuição das mudas de palma. O município parceiro recebe 100 mil mudas, beneficiando 100 agricultores familiares, cada um com mil mudas de palma. Para ser contemplado o produtor deve possuir a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e ser criador de caprinos e/ou ovinos e bovinos. As famílias de agricultores familiares que estão recebendo ovinos e caprinos do Programa Vida Melhor fazem parte dos grupos prioritários no recebimento das mudas de palma.

fotos

Estação da EBDA de Utinga vai beneficiar agricultores familiares | FOTO: Reprodução |

Melhoria de Vida
A colheita na estação experimental de Utinga já começou. O município de Oliveira dos Brejinhos foi o primeiro a garantir as 100 mil mudas aos agricultores familiares. O prefeito de Palmeiras, Adriano de Queiroz Alves, que também firmou parceria com a EBDA, ressalta que as mudas representam a melhoria de vida dos agricultores familiares. “A EBDA está no caminho certo em firmar essas parcerias e buscar essa solução. Acredito que nós vamos mudar a realidade da Bahia agindo dessa forma”, salientou Alves.

Mais do que atender a uma necessidade imediata dos agricultores familiares de todo o estado, a entrega de 20 milhões de mudas de palma é uma ação propagativa, pois visa o repasse sucessivo de mudas de palma de um agricultor familiar para o outro, garantindo, desta forma, a independência e a inclusão social. “O período de estiagem agrava a situação dos agricultores familiares, e o programa de palma tem respondido com eficácia às necessidades, contribuindo com a sua sustentabilidade”, ressalta o diretor da EBDA, Marcelo Matos.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.