Chapada: Lençóis recebe Mostra Osso Latino Americana de Performances Urbanas em março

Postado em fev 5 2015 - 8:11pm por Jornal da Chapada
lençóis

O festival está na terceira edição e conta com 10 artistas do Brasil e da América Latina que trabalham com a arte da performance | FOTO: Reprodução |

Entre os dias 5 e 14 de março acontece nos espaços públicos da cidade de Lençóis, na Chapada Diamantina, a MOLA – Mostra Osso Latino Americana de Performances Urbanas. O festival a qual é fruto de um esforço entre artistas e facilitadores na criação de um espaço poético em que a performance art é tomada como meio capaz de novas articulações entre artista, patrimônio material e ambiente. Com o propósito de levar para outras geografias a produção de arte latina, que acontece em boa parcela nos grandes centros urbanos, a mostra também propõe o diálogo de uma linguagem artística contemporânea num local que é tombado como patrimônio histórico. O festival está na terceira edição e conta com 10 artistas do Brasil e da América Latina que trabalham com a arte da performance.

Representantes da Colômbia, Bolívia, Cuba, México e Argentina estarão presentes na mostra. Serão desenvolvidos trabalhos que têm como universo de imersão poética o espaço urbano e seus imaginários políticos e sociais. Nessa experiência, será central o processo de intercâmbio e trocas de experiências entre artistas e a comunidade – acentuando a possibilidade de contato entre as diversas tradições de conhecimento. A mostra é organizada pelo Coletivo OSSO de Performances Urbanas e tem patrocínio do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia

Confira imagens:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Coletivo OSSO
Desde 2009, o OSSO organiza eventos e mostras orientados por temáticas diversas. Inicialmente, foram realizadas cinco mostras performáticas, compondo, desta maneira, o espaço urbano da cidade de Salvador e seu entorno em séries artísticas. A cada mês, o Coletivo convidava artistas performadores para compartilhar arte e rua, objetivando com isso descentralizar os espaços artísticos, levar arte ao cotidiano dos transeuntes em seu próprio habitat, o espaço urbano.

Em 2010, o Coletivo realizou a primeira [MOLA] Mostra OSSO Latino-Americana de Performances Urbanas – em que reuniu artistas de diversos lugares da América Latina. No ano de 2011, o OSSO fez trabalhos nos parques da cidade e escreveu um manifesto “Corpos Ausentes” motivado por um convite para estar na galeria. Em março de 2013, foi realizada a II MOLA na Costa do Descobrimento, especificamente em Trancoso e Arraial d’Ajuda – calcificando o local com performances durante dez dias. As informações são da Secult-BA.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.