Fogo deixa rastro de destruição na Chapada Diamantina; focos voltam em Ibicoara e Vale do Capão

Postado em nov 14 2015 - 2:01pm por Jornal da Chapada
foto5

Brigadistas durante combate a grande incêndio na Chapada Diamantina. A situação é dramática na região | FOTO: Sergio Carvalho/Facebook |

O grande incêndio que atinge o Parque Nacional da Chapada Diamantina (PNCD) deixa rastros de destruição em parte do ecossistema da região. De acordo com o chefe interino do PNCD, Cézar Gonçalves, a situação é complicada em todos os combates que existem atualmente, nas regiões do Vale do Capão (Palmeiras), Rio Mucugezinho (entre Lençóis e Palmeiras) e próximo à BR-242. Em contato, na manhã deste sábado (14), com o técnico do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), o Jornal da Chapada foi informado que as chamas avançam e que focos antes debelados voltaram e o final de semana será de muito trabalho para todos os evolvidos.

“A situação está dramática, o fogo está fora do controle ainda, o incêndio se espalhou muito e tem muitas frentes ao mesmo tempo, e a gente não está conseguindo combater todas. Estamos tentando dar mais atenção para evitar que o fogo atinja o Morrão, no Vale do Capão, ele já desceu para uma comunidade conhecida como Conceição dos Gatos, já passou do Campo de São João, está avançando nos Gerais em direção à Palmeiras. E tem outra frente que está na região do Barro Branco em Lençóis, que é a outra ponta do foco. No Vale do Cercado, que fica no município de Iraquara, numa região próxima ao Morro do Pai Inácio, o fogo está começando a avançar, ameaçando queimar algumas casas. O Vale do Cercado é uma área que pertence a APA/Marimbus/Iraquara”.

Leia também:
Suspeito de atear fogo no Parque Nacional da Chapada Diamantina é detido pela polícia
Vídeo: Incêndio continua na Chapada Diamantina e combate segue nesta sexta
Fogo continua afetando a Chapada Diamantina; presidente da Cifa sugere criar comando integrado
Chapada: Confira fotos de um dos maiores incêndios florestais que atingiu Ibicoara

Fogo voltou em Ibicoara
Ainda há relatos de moradores que os focos de incêndios no município de Ibicoara voltaram, e brigadistas já atuam nas áreas. “O fogo voltou, tem uma equipe trabalhando lá, do Prevfogo, para evitar que o fogo avance e atinja o Parque Nacional”, completa Gonçalves, em relato ao Jornal da Chapada, neste sábado (14).

Fotos do incêndio no Morro Branco (Vale do Capão)

Este slideshow necessita de JavaScript.

Vale do Capão
A brigada voluntária do Vale do Capão está recrutando pessoas que possam auxiliar a levar bombas com água para os brigadistas no Morro Branco, onde o fogo consome a vegetação. De acordo com informações enviadas ao Jornal da Chapada, quem tiver interesse pode ligar para a Associação dos Condutores de Visitantes do Vale do Capão (ACV-VC), no telefone (75) 3344 1087, ou ir até a base na subida do Morro, após a pousada Ilha de Mato e aguardem os representantes da brigada. “É importante quem estiver disponível venha com calça e calçado, se possível com luva. A ajuda é para levar água e não para apagar o fogo, não colocaremos ninguém em risco”, aponta comunicado.

A ACV-VC também publicou comunicado em redes sociais, apontando que o fogo ameaça não só as águas, mas também as casas e propriedades da comunidade e o Vale todo. “Estamos juntando todos que puderem manejar ferramentas de corte, para fazer uma linha de acero e tentar salvar as casas e propriedades de moradores que estão próximas e ameaçadas pelo fogo enorme que vem do Gerais do Morrão”.

Confira vídeo do combate a incêndio na Chapada Diamantina:

Equipamentos em carência
Além dos apoios que têm dos governos estadual e federal, os brigadistas voluntários e todos que atuam para conter o fogo na Chapada, precisam de toda a ajuda possível. Por isso, quem quiser contribuir para essa “batalha” basta procurar a brigada mais próxima e realizar doações como lanternas, baterias, coturnos, bombas costais, entre outros Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

De acordo com Cézar Gonçalves, existem alguns equipamentos que são de suma importância para o combate e a segurança dos brigadistas. “Têm duas coisas urgentes e necessárias que são lanterna de cabeça e coturnos, sapatos próprios para o pessoal andar onde está pegando fogo. Sem esses materiais o pessoal não consegue trabalhar”.

carro

O carro foi queimado em um incêndio no município de Senhor do Bonfim | FOTO: Reprodução/TV Bahia |

Carro dos bombeiros
O Jornal da Chapada entrou em contato com o Corpo de Bombeiros de Lençóis que esclareceu que o carro dos bombeiros que aparece em foto nas redes sociais não foi queimado no combate do fogo da Chapada Diamantina. O carro foi queimado em um incêndio em um povoado do município de Senhor do Bonfim, no norte da Bahia.

Fogo em Seabra
Internautas chamam a atenção para os vários focos de incêndios em locais diferentes na Chapada Diamantina, como na ‘Serra da Cotreia’, que fica em Seabra. A fumaça do fogo que atinge o Mucugezinho chega na cidade e assusta os moradores. “O município está coberto por fumaça”, aponta um seguidor do Jornal da Chapada.

O chefe interino do PNCD diz que na cidade de Palmeiras a situação também é parecida com a de Seabra. “Palmeiras está coberta por uma cortina de fumaça há três dias, a situação está ruim em toda região. Em Seabra, tem uma serra que está tendo incêndio também, mas é menor. Este não é o problema [da fumaça] de Seabra, o problema é o fogo que está nesta região próxima ao Morro do Pai Inácio, pois o vento leva a fumaça para a região de Seabra”, completa Gonçalves.

foto5

Para o combate, os voluntários e todos os envolvidos precisam de equipamentos | FOTO: Reprodução/Sergio Carvalho |

Saiba como ajudar
Para o combate, os brigadistas e voluntários precisam de auxílio e de equipamentos. “Quem puder ajudar doando água e alimentos energéticos para os combatentes voluntários, lanternas e bombas costais e abafadores se manifestem, toda ajuda é bem-vinda. Esta campanha está sendo realizada por voluntários das Unidade de Conservação Serra do Araújo e o ponto de coleta está sendo no Ponto de Cultura, ao lado dos correios, [em Seabra]”, diz trecho de postagem da página Território de Identidade da Chapada Diamantina, no Facebook.

Atuação do governo
De acordo com nota publicada pelo site Bahia Notícias, o secretário de Meio Ambiente da Bahia (Sema), Eugênio Spengler, e o comandante do Corpo de Bombeiros, Francisco Telles, embarcam, neste sábado (14), para a Chapada Diamantina. Ambos afirmam que o governo baiano estuda mandar mais duas aeronaves para tentar controlar as chamas que destroem a vegetação e contratar carros-pipas para auxiliar no combate.

Jornal da Chapada

Confira imagens dos incêndios na Chapada Diamantina:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também:
Governo intensifica ações de combate aos incêndios florestais na Chapada Diamantina
Fogo toma proporções gigantescas e consome o Parque Nacional da Chapada Diamantina
Chapada: Presidente da brigada de Andaraí denuncia a ‘indústria do fogo’ na região

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

14 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.