CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal

Dilma não será afastada se pedido de impeachment for aprovado pela Câmara; entenda aqui

foto67
Deputados seguem com votação | FOTO: Reprodução/ABr |

Mais da metade dos 513 deputados já votou na sessão da Câmara que analisa a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Para que o processo de impeachment de Dilma seja aberto, são necessários 342 votos. Se autorizado pela Câmara, o processo seguirá para o Senado. Entretanto, existe a dúvida se Dilma seria afastada ou não logo agora e a resposta é não. O site Bocão News esclareceu o caso com uma entrevista com o procurador do Estado e professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Miguel Calmon. Conforme Calmon, Dilma “só deixará o cargo se o Senado decidir por maioria simples acatar o processo contra ela”.

Antes disso, porém, a Câmara dos Deputados terá que aprovar a abertura do processo por 342 votos favoráveis de um total de 513. O processo, então, será encaminhado para o Senado. “Se o Senado instaurar aí a presidente ficará afastada por até 180 dias e o vice assume neste período. Se não analisarem até este prazo, ela retoma ao cargo”, explica Calmon. Caso a oposição não alcançar 342 votos, o parecer pró-impeachment é arquivado. Jornal da Chapada com informações do Bocão News.

Brasil: Veja como será a votação do impeachment de Dilma neste domingo

Acompanhe aqui ao vivo a sessão.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas