CuriosidadesEconomiaMenu Principal

Primeiro leilão do Estado arrecada mais de R$ 2 milhões para cofres públicos

repro
O montante arrecadado será revertido para a conta única do Tesouro Estadual | FOTO: Meramente Ilustrativa/ Arquivo |

O primeiro leilão de bens móveis do Estado, promovido pela Secretaria da Administração do Estado (Saeb) na última sexta-feira (13), em Salvador, superou as expectativas iniciais. Ao final do certame, foram arrecadados R$ 2.188.900 – quase o dobro do previsto inicialmente. Ao todo, foram alienados 225 lotes – entre veículos e sucatas de automóveis, sucata ferrosa, peças de embarcações marítimas, materiais hospitalares, eletrônicos e de informática, além de móveis diversos.

De acordo com a Secretaria da Administração (Saeb), o montante arrecadado será revertido para a conta única do Tesouro Estadual. Entre os itens alienados, o lote mais caro foi um veículo Toyota Bandeirante 1998, arrematado por R$ 32.000. Já o lote mais barato, composto por móveis, foi arrematado por R$ 300. Ao todo, 490 pessoas participaram o certame. Os leilões estaduais integram as ações para a qualificação do gasto público com o objetivo de combater o desperdício na máquina estadual, investindo os valores economizados no reaparelhamento da estrutura administrativa. A receita obtida com a venda dos bens irá para a conta única do Tesouro Estadual.

Cabe à Saeb alienar os bens desativados do Estado, conforme artigo 7º do Decreto nº 9.461 de 20 de junho de 2005 – embora unidades da administração indireta também possam realizar leilões. Os bens são considerados inservíveis quando o custo de manutenção é mais caro para o Estado do que investir na compra de um novo bem. As informações são da Saeb.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios