Concursos públicos criam expectativas para quem procura estabilidade financeira

foto

Segundo informações publicadas pela Folha Dirigida, ainda há órgãos federais aguardando o Ministério do Planejamento para a realização dos certames | FOTO: Divulgação |

Cerca de 30 concursos federais são esperados por aqueles que buscam sua estabilidade financeira, principalmente no momento turbulento pelo qual passa a economia brasileira. Existem vagas para diferentes regiões. Segundo informações publicadas pela Folha Dirigida, ainda há órgãos federais aguardando o Ministério do Planejamento para a realização dos certames.

Todos os concursos de âmbito federal vão contratar sob regime estatutário, com estabilidade garantida após três anos de estágio probatório, darão direito a auxílio-alimentação de R$ 458 e remuneração de 1/3 nas férias. Há reserva de até 20% para pessoas com deficiência.

Confira a previsão para 2018:
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio): 1.132 vagas, sendo 483 para técnico administrativo, 62 para técnico ambiental (nível médio); 546 para analista ambiental e 86 para analista administrativo (nível superior). Com informações de A Tarde On Line.

Ministério do Meio Ambiente: 118 vagas para agente (nível médio) e 38 para analista (nível superior)

Ibama: 1.630 vagas, sendo 610 para técnico administrativo, 270 para analista administrativo e 750 para analista ambiental

Ministério da Cultura (Minc): 102 vagas, sendo 33 de nível médio e 69 de superior

Biblioteca Nacional: 132 vagas para níveis médio e superior

Funarte: 200 vagas para diversos cargos, sendo 135 para nível médio e 65 para superior

Casa de Rui Barbosa: 28 vagas para pesquisador e tecnologista

Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan): 516 vagas, sendo 236 para auxiliar institucional, 104 para analista e 176 para técnico

Instituto Brasileiro de Museus (Ibram): 306 vagas, sendo 82 para assistente técnico, 116 para técnico em assuntos culturais, 98 para analista e 10 para técnico em assuntos educacionais

INSS: 7.580 vagas de níveis médio e superior, para os cargos de técnico, analista e perito

Aneel: 148 vagas para níveis médio e superior

ANTT: 720 vagas, sendo 307 para técnico em regulação, 52 para técnico administrativo, 316 para especialista em regulação e 45 para analista administrativo

Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDic): 299 vagas para níveis médio, médio/técnico e superior

Hospital das Forças Armadas: 150 vagas para níveis médio e superior

Marinha: 300 vagas para níveis médio, médio/técnico e superior

Fundação Palmares: 65 vagas para nível superior

Funasa: 459 vagas para níveis médio e superior

Inmetro: 435 vagas para níveis médio, médio/técnico e superior

Ministério da Fazenda: 1.312 vagas parar diversos cargos de níveis médio e superior

Receita Federal: 2.083 vagas, sendo 630 para auditor-fiscal e 1.453 para analista-tributário

Banco Central: 990 vagas para níveis médio e superior, sendo 150 para técnico, 400 para analista e 40 para procurador

Ministério do Trabalho e Emprego (MTE): 2.595 vagas para vários cargos de níveis médio e superior

Polícia Rodoviária Federal (PRF): 2.778 vagas para nível superior

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.