#Bahia: Juristas se preocupam com a possibilidade de seccional da OAB em Juazeiro ser ‘cabide de emprego’

Postado em jul 20 2018 - 2:23pm por Jornal da Chapada
capa

Na última quarta-feira (18) ocorreu a nomeação de 60 advogados em cargos de comissão da seccional | FOTO: Reprodução/Click/PB |

A coluna Satélite, do jornal Correio, levantou uma questão que tem sido preocupação para os juristas baianos. É a possibilidade da seccional baiana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Juazeiro estar se tornando ‘cabide de emprego’ em ano eleitoral, especialmente para jovens advogados. Na última quarta-feira (18) ocorreu a nomeação de 60 advogados em cargos de comissão da seccional. As eleições para a presidência da ordem acontecem em novembro. Em um dos casos, uma profissional foi nomeada em duas comissões na cidade. Ao todo, argumentam, são cerca de 1.200 cargos em comissão na OAB na Bahia num universo em torno de 25 mil votantes.

Outro lado
Em resposta à nota publicada pelo Correio, a seccional baiana da OAB afirmou que não existem em seus quadros cargos comissionados como na administração pública. “Integrantes de comissões permanentes e temporárias da OAB-BA e de suas subseções não recebem nenhum tipo de remuneração, exercendo suas atividades em prol da classe de forma inteiramente voluntária, assim como os titulares dos cargos eletivos de diretores e conselheiros”. Jornal da Chapada com informações de Correio 24h. Texto ampliado para colocar a posição da OAB.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.