Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Brasil: STJ vai avaliar habeas corpus de Fabrício Queiroz; ministro seria próximo de Bolsonaro

O presidente do STJ, que está de plantão durante o recesso do Judiciário, geralmente toma decisões que agradam o presidente Jair Bolsonaro.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu na noite da última segunda-feira (7) um pedido de habeas corpus apresentado pela defesa do policial aposentado Fabrício Queiroz, preso desde 18 de junho.

O pedido chegou ao tribunal após encaminhamento dado pela desembargadora Suimei Cavalieri, do Tribunal de Justiça do Rio. O recurso está nas mãos do ministro João Otávio de Noronha, presidente do órgão.

Noronha é próximo de Jair Bolsonaro. Segundo levantamento do Estado de S. Paulo, ele toma decisões que atendem ao presidente em 87,5% dos casos.

Queiroz foi preso preventivamente na investigação das rachadinhas que teriam sido coordenadas por ele no gabinete de Flávio Bolsonaro na época em que o hoje senador era deputado estadual.

O ex-assessor de Flávio e Jair é acusado de obstrução de Justiça. O pedido de habeas corpus também abrange a esposa de Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar, que está foragida. A redação é da Revista Fórum com informações do Estado de S. Paulo.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios