CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde
Trending

#Chapada: Movimento Sem Terra planta árvores em homenagem a vítimas da covid-19 em municípios da região

A ação ocorreu em Wagner, Utinga, Tapiramutá, Itaetê, Boa Vista do Tupim, Itaberaba, Maracás, Lajedo do Tabocal e em toda a regional.

Famílias que fazem parte do Movimento Sem Terra (MST) plantaram árvores no Dia de Finados, última segunda-feira (2), em homenagem às vítimas que morreram devido a complicações causadas pelo novo coronavírus na Chapada Diamantina.

A ação ocorreu nos municípios de Wagner, Utinga, Tapiramutá, Itaetê, Boa Vista do Tupim, Itaberaba, Maracás, Lajedo do Tabocal e em toda a regional. Segundo o articulador político do MST na Chapada Diamantina, Abraão Brito, “é importante plantarmos árvores em memória das pessoas que morreram, mas o governo precisa resolver o problema da vacina o quanto antes”.

“Nós precisamos dos trabalhadores vivos e não mortos, o povo não pode morrer por causa de uma doença agravada por uma crise política, essa crise tem que ter o remédio, para podermos cuidar das pessoas, porque o povo precisa estar vivo para poder cuidar de sua família. O papel do MST agora é cuidar das pessoas para que não tenha essa doença”, afirma Brito via a Página Voz em Movimento.

Jornal da Chapada

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios