CidadesCulturaCuriosidadesMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Tradicionalmente presencial, Festival de Lençóis evidencia adaptações em meio à pandemia de covid-19

O evento acontece pela primeira vez na história em formato remoto e vai contar com uma programação diversificada para o público da internet.

Chegando a duas décadas sendo tradicionalmente realizado com grandes shows presenciais, o Festival de Lençóis acontece neste ano, pela primeira vez na história, em um formato totalmente remoto, em razão dos altos índices de covid-19, que pedem a ausência de aglomerações. Logo, há quem acredite que embora não haja a aglomeração e a troca de energia, que era possível antes do coronavírus, esse novo modelo possibilita que mais pessoas tenham acesso ao evento e já fiquem com um desejo de contemplar o festival presencialmente, em um contexto pós-pandemia.

Essa visão é da bióloga Laisa Brito, que nunca obteve a oportunidade de admirar a festa. “Sou amante da Chapada Diamantina, mas nunca tive a oportunidade de ir ao Festival de Lençóis. Sempre acompanhei as chamadas das atrações. Agora será incrível poder ter um mínimo de sensação de ser parte do festival mesmo que virtual”, ressalta Brito ao Jornal da Chapada. “Por outro lado, é triste não poder trocar calor humano, trocar energias e conhecimentos, por conta dessa pandemia”, completa a bióloga.

O tradicional evento cultural da Chapada Diamantina está programado para os dias 29 e 30 de abril, às 19h, por meio de ‘live’ gratuita transmitida pelo canal do YouTube da produtora ‘Pau Viola Cultura e Entretenimento’. Durante a transmissão, apresentada pelo ator Jackson Costa, o público poderá conferir, inclusive, entrevistas e imagens da região chapadeira.

Com o adiamento do evento em 2020, os amantes dessa festa já não esperam a hora de poder apreciar o festival novamente. A saudade é tão grande, que nem mesmo o quesito virtual consegue diminuir essa vontade de curtir o Festival. E, agora, o evento pode contar, ainda mais, com a presença de pessoas de cada canto do país. “Esperamos com o mesmo carinho de sempre, certos de que esse será uma ‘esquente’ para o nosso breve retorno presencial, cheio de emoção e abraços”, declarou a produção, em nota divulgada.

Em outros momentos, muitas pessoas já estariam preparando as malas e reservas de hotéis para prestigiar o evento. “Já tive a oportunidade de ir nos anos anteriores ao Festival de Lençóis. Considero mística a sensação de estar na cidade. Lençóis é linda e tem uma energia muito boa. Desde 2019, por falta de patrocínio, que não temos o festival. Espero nessa edição especial ser uma oportunidade de reviver momentos incríveis na cidade chapadeira”, frisa a bióloga Juliana Almeida, em entrevista ao Jornal da Chapada.

O Festival de Lençóis é um dos eventos tradicionais da região chapadeira | FOTO: Diego Mascarenhas/GOVBA |

Programação
Dentre as diversas atrações do cenário musical brasileiro, a abertura do evento conta com os shows de Jorge Vercillo, Adelmo Casé e a participação especial da cantora Samantha Tosto. Já no dia 30 de abril, as apresentações ficam sob responsabilidade dos cantores baianos Margareth Menezes e Jau, além de artistas locais como as bandas Zion e Griô, Grupo Cordas e Copos e os folclóricos Marujada e Zambumba, que participarão através de vídeo.

“Fazer o Festival de Lençóis virtual é reafirmar a cultura como instrumento de superação, luta e afirmação. São 19 edições de boa música, valorizando os artistas, principalmente os locais, e a cultura popular. O festival cumpre sua função de fomentar o turismo, cultura e meio ambiente na região da Chapada Diamantina”, pontua Paula Resende, diretora da ‘Pau Viola’ Entretenimento, por meio de nota de assessoria.

O geoparque é a estrutura turística baseada no patrimônio geológico de uma localidade, voltada para a proteção, educação e desenvolvimento sustentável | FOTO: Wikiloc |

Campanha destaque
Nesta edição virtual, o destaque é para campanha da Associação Geoparque Serra do Sincorá, entidade não lucrativa criada recentemente para buscar o título de Geoparques Globais, chancela concedida pela Organizações das Nações Unidas (ONU), através da Unesco.

A proposta para a criação do Geoparque baiano compreende uma área de 6.313 km, quatro serranias e uma população aproximada de 44 mil habitantes, distribuídas nos municípios de Lençóis, Palmeiras, Mucugê e Andaraí. O título reconhece os lugares que guardam biodiversidade, patrimônios geológicos nos quais a presença da população é estimulada e o turismo funciona como ferramenta de preservação.

A ‘live’ do Festival de Lençóis é realizada pela Pau Viola Entretenimento, com o apoio financeiro do Estado da Bahia (Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural da Bahia), via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo do Governo Federal.

A Nova Zelândia já permite eventos com aglomerações | FOTO: Northern Bass |

Covid-19
Enquanto o Brasil bate recordes de mortalidade e de infectados pela covid-19, outros países avançam nas medidas de restrições para evitar a propagação do vírus, bem como prosseguem na vacinação. E assim, já começam a planejar -ou vivenciar- o futuro, como a Nova Zelândia, que já permite shows, sem o uso de máscara.

Em uma realidade bem diferente da atual condição do Brasil e de outras partes do mundo, a Nova Zelândia já permite eventos com aglomerações, por ter sido, de acordo com especialistas, um exemplo nas ações de contenção do vírus.

O local, diferentemente do Brasil, soube interromper a transmissão do vírus na comunidade ainda em abril de 2020. Por este motivo, não demorou muito para que grandes shows, eventos e festivais, pudessem ser realizados no país, sem distanciamento social e sem o uso de máscara. Infelizmente, o Brasil alcançou a marca de 14 milhões e contaminados e quase 400 mil mortes por causa da covid-19.

Jornal da Chapada

Leia também

#Mundo: Nova Zelândia vence o novo coronavírus e mostra o futuro que outros países desejam

#Mundo: Nova Zelândia já permite shows com multidões sem máscara; país foi um dos que melhor lidou com a pandemia

#Chapada: Festival de Lençóis divulga programação da edição online com Jau, Margareth, Vercillo e Adelmo Casé

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios