CidadesCuriosidadesEsportesMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Bombeiros militares e brigadistas controlam incêndio no município de Lençóis

Neste momento, as equipes estão realizando a varredura de toda a área atingida.

O incêndio na região de Lençóis, na Chapada Diamantina, foi controlado por bombeiros militares e brigadistas após cinco dias de combate. Duas aeronaves modelo Air Tractor ajudaram no combate direto. Neste momento, as equipes estão realizando a varredura de toda a área atingida.

A força-tarefa do Governo da Bahia fez a limpeza ao redor das áreas atingidas para evitar novos focos de queimadas, e assim, conseguiu debelar as chamas que poderiam chegar às residências se não fossem contidas.

Conforme informações do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMB), o trabalho da força-tarefa agora está concentrado no monitoramento com os bombeiros, percorrendo a área atingida para verificar a possíveis novos focos e reignições.

Em razão do monitoramento não ter necessidade de aviões, as aeronaves, como já havia sido adiantado pelo Governo da Bahia, foram realocadas para outros municípios onde o combate contra o fogo ainda permanece.

Na região de Irecê, as equipes conseguiram extinguir praticamente todos os focos de fogo, porém o monitoramento está mantido à procura por novos focos para evitar reignições.

O governo ressalta que a ação humana é grande responsável pelos incêndios florestais registrados, visto que “queimadas utilizadas para limpeza de terrenos muitas vezes se tornam incontroláveis e o tempo seco contribui para que o fogo se espalhe por áreas muito vastas”, salienta.

“Os combates em algumas localidades da Chapada são difíceis por conta do terreno ser muito íngreme e com fissuras no chão, o que torna o acesso bem mais difícil e perigoso, exigindo ainda mais esforço físico e cautela dos bombeiros militares e brigadistas voluntários”, ressaltou o major BM Murilo Rocha.

Percorrendo as áreas atingidas, os militares e brigadistas percorrem todas as áreas atingidas e verificam o surgimento de possíveis novos focos. Já pelo ar, os pilotos, com as coordenadas dos militares, também verificam possíveis focos e realizam o lançamento de água que auxilia no resfriamento, para que os bombeiros e brigadistas possam agir no terreno.

Oeste
O combate ao fogo permanece em vários municípios do Oeste da Bahia, uma das regiões mais afetadas. Já em Barreiras, alguns pontos de reignição foram identificados e apagados. Também em Luís Eduardo Magalhães, os trabalhos permanecem e aeronaves auxiliam equipes em terra.

Jornal da Chapada

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios