Fogo na Chapada: Ainda existem focos no Vale do Capão; brigadistas dizem que situação não afeta turista

Postado em dez 16 2015 - 6:49pm por Jornal da Chapada
foto5

A ACV-VC aponta que nenhum atrativo foi comprometido no Vale e que apenas um pequeno trecho da trilha da cachoeira da Fumaça foi queimado | FOTO: Cris Mendez |

O fogo no Vale do Capão, distrito do município de Palmeiras, na Chapada Diamantina, está sob controle, mas ainda existem focos a serem debelados. Em boletim emitido nesta quarta-feira (16), a Associação dos Condutores de Visitantes do Vale do Capão (ACV-VC) informou que a Brigada Voluntária atualmente tem 12 brigadistas combatendo focos na região da Serra do Palmital, do Veneno e Ribeirão. A associação voltou a afirmar que a área da cachoeira da Fumaça teve o fogo debelado e que a ação de monitoramento segue, já que “existem alguns pontos que ainda preocupam”. A ACV-VC também informa que as áreas afetadas atualmente pelo fogo não causam riscos aos turistas.

“Atrás do Morro Branco ainda existem focos que fazem muita fumaça, estes estão isolados e não representam perigo ao Vale. Uma área ao fundo da Serra da Moitinha também existe um foco que continua queimando em sentido ao Rio Ancorado. Em termos de visitação turística nenhum atrativo foi comprometido, apenas um pequeno trecho da trilha [na subida] da cachoeira da Fumaça está queimado. Não existe risco [em relação aos focos de incêndio] para o visitante”.

foto5

Fogo ainda afeta algumas regiões no Capão ou próximo ao Vale | FOTO: Cris Mendez |

Leia também:
Incêndios na Chapada Diamantina mobilizam pessoas em todo o estado

Fogo na Chapada: Incêndio em Jacobina avança e atinge distritos da região

Rui Costa determina manutenção de efetivo no combate aos incêndios na Chapada Diamantina

Brigadistas da Defesa Civil Nacional já estão na Chapada Diamantina; confira situação atual

Fogo na Chapada: Vale do Capão está sem ameaças de incêndios; Lençóis ainda não recebeu EPIs

Fogo ainda atinge o Vale:

Materiais entregues pelo governo
No informe desta quarta-feira (16), a ACV-VC listou os materiais entregues à brigada voluntária para auxiliar no combate aos focos na região. De acordo com a lista, foram entregues cinco abafadores; 10 cabos de enxadas e 10 enxadas; 10 cabos de foice e 10 foices, além de 10 balaclavas, 10 cantis com capas, 10 pares de luvas de couro; 10 óculos de proteção; 10 pares de meias e sete rastelos.

“Acreditamos que o material necessário para debelar o fogo ainda não foi providenciado pelos órgãos gestores, tornando grande parte dos esforços em ações estéreis, que apenas prorrogam o fogo. Técnicos do Inema e Polícia Civil [investigadores e delegado] também visitaram nossa sede hoje [quarta]”.

Existem focos de incêndio sendo combatidos também em Lençóis, Barra da Estiva, Andaraí e Ibicoara.

Jornal da Chapada

Aeronave faz sobrevoou no Vale do Capão

Leia também:
Fogo na Chapada: DPE, DPU, Justiça e Promotoria Militar pedem apoio das forças armadas no combate a incêndios
Chapada: Chamas retornam em Ibicoara e brigadistas reclamam de negligência no monitoramento
Governo anuncia o envio de mais dois helicópteros para combater incêndios na Chapada Diamantina
Fogo na Chapada: Brigadistas de Lençóis recebem mais ajuda voluntária e reclamam da falta de apoio do município

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

8 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.