Dilma pede ajuda de evangélicos no combate ao Aedes Aegypti

Postado em fev 19 2016 - 2:55pm por Jornal da Chapada
foto6

Escolas de todo o país vão receber nesta sexta, Dia Nacional de Mobilização da Educação contra o Zika | FOTO: Reprodução |

A presidente Dilma Rousseff realizou na tarde desta quinta-feira (18), no Palácio do Planalto, uma reunião com lideranças evangélicas de todo Brasil. O objetivo do encontro foi solicitar ajuda do meio para o combate ao mosquito Aedes Aegypti, causador de doenças como Dengue, Zika e Chikungunya. Na semana passada, a presidente já havia tido reunião semelhante, também no Planalto, com o Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic). Bispa da Igreja Batista Caminho das Árvores, Lorena Brandão, uma das quatro mulheres presentes na oportunidade, enfatizou a importância da mobilização de todo país para o controle da proliferação do mosquito.

“Temos que propagar com a população esta ideia de conscientização. Se de 100 casas apenas uma deixar de cuidar dos focos, milhares de pessoas podem ser atingidas. A Igreja Evangélica, que tem mais de 42 milhões de seguidores, é fundamental para esta causa, pois alcança públicos de todas as partes do país. A presidente Dilma pediu essa ajuda e estamos dispostos a ajudar na exterminação do Aedes”, afirmou Lorena.

Escolas de todo o país vão receber nesta sexta (19), Dia Nacional de Mobilização da Educação contra o Zika, a visita da presidenta Dilma Rousseff e de ministros. As atividades nas escolas buscam conscientizar e mobilizar os estudantes para o combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, da febre chikungunya e do vírus Zika. Dilma participará de atividade com alunos do Colégio Alfredo Vianna, no município baiano de Juazeiro. Pelo menos 25 ministros viajam pelo país para visitar escolas.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.