AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal

Suíca diz que “olimpíada revela o elo forte do Brasil, o nordeste”

foott
Suíca durante atividade política em Nova Constituinte | FOTO: Divulgação |

Com quatro medalhas olímpicas, a Bahia se torna o estado destaque na região Nordeste com atletas de alto nível, competindo com os melhores do mundo, e ajuda o Brasil a subir no quadro de medalhas, tendo a melhor participação em 120 anos de jogos. É o que afirma o vereador de Salvador, Luiz Carlos Suíca (PT). Nesta segunda-feira (22), o edil petista destacou os investimentos dos governos de Lula e Dilma em esporte e na condução da realização tanto da Copa do Mundo como das Olimpíadas. “São duas questões importantes que precisamos destacar. Primeiro o fato do país ter ganhado reconhecimento internacional com as administrações petistas e, segundo, que os investimentos em infraestrutura e no Bolsa Atleta, foram fundamentais para desenvolver os competidores. A olimpíada revela o elo forte do Brasil, o nordeste, sem ele o país estaria lá embaixo no quadro de medalhas”, revela Suíca.

O vereador cita o pugilista Robson Conceição e os dois atletas da canoagem, Isaías Queiroz, nascido em Ubaitaba, e Erlon Silva, de Ubatã, no sul da Bahia. “A canoagem é típica dos indígenas, justamente dessa região sul do estado. Ambos começaram a praticar o esporte tão pouco conhecido, ao participarem do programa ‘Segundo Tempo’, lançado pelo governo de Lula em abril do ano de 2003, quando ele tinha somente quatro meses de mandato, e foi uma ação de inclusão social. Naquela época, o país nem sonhava em sediar as Olimpíadas – caso que só aconteceu em 2009. O boxeador de São Caetano, bairro que conheço muito conheço, é um exemplo de atleta vitorioso. Sua história de vida se confunde com a nossa e com a de vários jovens da periferia. Incentivos dados também pelos governos petistas na Bahia, com Jaques Wagner e Rui Costa”.

Conforme Suíca, todo o investimento em mais de 12 anos no esporte, fez elevar o nível de competitividade dos atletas e impulsionou o país a estar entre as 13 nações destaques dos jogos olímpicos. “Foi com o governo do PT que conseguimos 18 medalhas de ouro em quatro edições dos jogos. Somos a melhor nação da América Latina, com 19 medalhas no geral, e tivemos mais ouro que prata e do que bronze, pela primeira vez também. Foi nossa melhor participação, graças aos investimentos do PT. E com tudo isso, ainda não alcançamos o nosso objetivo, isso mesmo, porque tínhamos a meta era ficar entre os 10 primeiros países no ranking de total de medalhas”.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas