Lula é a esperança do povo brasileiro para vencer a crise política, diz Valmir

Postado em ago 17 2017 - 3:45pm por Jornal da Chapada
foto

O ex-presidente Lula e o deputado Valmir Assunção | FOTO: Jonas Santos |

O deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) é um dos políticos baianos que vai acompanhar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante sua agenda na Bahia. Nesta quinta-feira (17), a ‘Caravana Lula pelo Brasil’ desembarca em Salvador para uma série de atividades. Assunção diz que o momento é para ratificar as convicções e o projeto político do PT. “Lula sempre governou ouvindo o povo, e temos a esperança que, em 2018, ele vença a eleição, para que a gente possa resolver a crise política brasileira”, salienta o deputado. Valmir ainda defendeu o legado deixado por Lula quando foi presidente por dois mandatos. O parlamentar cita a criação de cinco universidades na Bahia, além de retirar o Brasil da linha da miséria, com mais de 40 milhões de famílias fazendo três refeições por dia. “Vamos desmitificar o que os golpistas falaram antes de derrubar a presidenta Dilma, disseram que ela era a responsável pela crise, mas mesmo na crise nossos governos mantiveram o aumento salarial dos trabalhadores. Tanto que a projeção do governo Dilma era do mínimo chegar a R$ 1.020,80 em 2019”, completa.

De acordo com o deputado petista, o grande debate que fez Dilma ser deposta foi que o rombo fiscal que chegaria a R$ 70 bilhões era culpa das ‘pedaladas’ que ela teria cometido. “Agora, com os golpistas no poder, o rombo é de R$ 159 bilhões e ninguém diz nada. Chegou ao ponto do governo dizer que não vai dar o reajuste do salário mínimo que seria de R$ 979. Tirou R$ 10 e Temer disse que só tem condições de pagar R$ 969. Essa é a decisão do governo golpista, diminuir o salário mínimo do trabalhador? Isso para ter uma economia de R$ 3 bilhões. Ou seja, aumenta a gasolina e diesel para ter uma arrecadação de R$ 10 bilhões e coloca tudo na conta do trabalhador. Quando chega no agronegócio, perdoa as dívidas que os empresários têm de previdência que está em torno de R$ 10 bilhões, isso só porque queriam o apoio dos deputados ruralistas para salvar o governo de Michel Temer”, explica Assunção. Ele ainda contesta que com essas decisões, “como é que o país vai reduzir a desigualdade, já que cada vez mais se tira recursos e as políticas públicas da população mais pobre?”.

O ex-presidente Lula chega a Salvador, nesta quinta (17), onde inicia a caravana, que vai até o dia 5 de setembro, no Maranhão. Durante essa viagem, Lula percorrerá de ônibus nove estados do Nordeste, em uma viagem para conhecer as mudanças que ocorreram durante os governos do PT, como a construção de cisternas, o desenvolvimento habitacional com o ‘Minha Casa, Minha Vida’, além de visitar projetos da agricultura familiar, de universidades, e debater novas ações para a região. Na chegada à capital baiana, Lula vai de metrô até Arena Fonte Nova, onde ocorrerá o lançamento do Memorial da Democracia, junto com o governador Rui Costa, o secretário estadual Jaques Wagner, além de uma comitiva de senadores, deputados, prefeitos, vereadores e militantes petistas. Tem agenda de Lula ainda em Cruz das Almas, São Francisco do Conde e Feira de Santana.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.