Caminhoneiro permanece desaparecido depois de dois meses; recompensa de R$10 mil é oferecida

Postado em ago 13 2019 - 4:06pm por Jornal da Chapada

O último contato realizado pelo caminhoneiro foi em Seabra, na Chapada Diamantina, onde seguia para o Porto de Salvador após ter carregando o caminhão em Luiz Eduardo Magalhães | FOTO: Montagem/Divulgação |

Antônio Roberto Ribeiro Aguiar, popularmente conhecido como ‘Nequinha’, 64 anos, permanece desaparecido desde o dia 20 de junho. Familiares continuam a busca para saber de seu paradeiro a quase dois meses e, até o momento, as investigações não foram concluídas. Conforme informações já publicadas pelo Jornal da Chapada (veja aqui), o último contato realizado pelo caminhoneiro foi na cidade de Seabra, na Chapada Diamantina, onde seguia para o Porto de Salvador após ter carregando o caminhão em Luiz Eduardo Magalhães (LEM) com soja. Nem ele e nem o carregamento chegaram ao destino. Ainda segundo informações, Aguiar teria sofrido um assalto na BR-101, próximo de Feira de Santana.

De acordo com publicação do site Chapada News, uma recompensa de R$10 mil é oferecida para quem indicar alguma informação concreta sobre o caminhoneiro. O veículo de ‘Nenquinha’ foi recuperado pela polícia na cidade de Paulo Afonso depois de troca de tiros com os bandidos, que conseguiram fugir. As últimas informações, durante o processo de investigação pela Polícia Civil de LEM, é que foi encontrado objetos que pertence a vítima como celular, o som da carreta e uma ventoinha de radiador nas mãos de um homem não identificado.

Diante dos fatos, o suspeito apontou o nome de outro indivíduo, com quem ele teria comprado o aparelho celular. Em seguida, os agentes civis efetuaram a prisão do homem, identificado como Leandro Francisco de Souza, 27 anos, natural de Jequitinhonha (MG). No entanto, os dois suspeitos já foram soltos. A carreta foi encontrada e dentro havia sangue na cabine. O delegado Leonardo Almeida, responsável pelo caso, afirmou à imprensa, que as diligências continuam até encontrar o caminhoneiro. Qualquer informação pode ser repassada pelos telefones (77) 99918-4902 / (77) 99991-0485 / (77) 98165-7384. (Radar 030). Jornal da Chapada com dados do Chapada News.

Leia também

Chapada: Caminhoneiro de 64 anos segue desaparecido após sair de Seabra; polícia investiga sumiço

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.