Brigadista volta a denunciar ‘indústria do fogo’ na Chapada Diamantina: “Age deliberadamente”

Postado em dez 16 2015 - 8:27pm por Jornal da Chapada
foto5

Nascentes de rios, animais e plantas nativas são afetadas pelo fogo que consome a região há quase três meses | FOTO: Dmitri de Igatu |

“Resolver a equação dos incêndios florestais na Chapada Diamantina é simples. As brigadas voluntárias equipadas e com mobilidade [veículos] são muito mais baratas que as somas astronômicas que estão gastando na operação dos combates”. A fala é do presidente da brigada dos Combatentes de Incêndios Florestais de Andaraí (Cifa), Homero Vieira, que aponta para os gastos exorbitantes e a falta de resolução para debelar o fogo. De acordo com Vieira, em contato com o Jornal da Chapada, nesta quarta-feira (16), é melhor convocar as forças armadas para acelerar o processo “antes que os brigadistas passem o Natal combatendo o fogo nas serras”.

Para o presidente da Cifa é preciso investir em prevenção e não deixar para depois a realização de programas que evitem que as chamas se alastrem. “É a indústria do fogo agindo deliberadamente. Para se ter uma ideia, muitas brigadas estão prontas para agir, mas os coordenadores dizem que não é necessário enviar mais brigadistas. Se o Exército não vier, acredito que vamos ter Natal com fogo. Ao invés de Bahia Sem Fogo, será Natal com Fogo, causando prejuízos econômicos, ambientais e turísticos. Nascentes de rios afetadas e animais mortos, é isso que vemos todos os dias nesses quase três meses de fogo. A radiação chega próxima dos 800 graus, afastando os animais e destruído toda a fauna e flora”, salienta.

homero

Homero diz que é melhor convocar as forças armadas para acelerar o processo “antes que os brigadistas passem o Natal combatendo o fogo nas serras” | FOTO: Divulgação |

Leia também:
Secretário diz que incêndio já devastou 51 mil hectares na Chapada Diamantina durante 3 meses

Fogo na Chapada: Ainda existem focos no Vale do Capão; brigadistas dizem que situação não afeta turista

Incêndios na Chapada Diamantina mobilizam pessoas em todo o estado

Ainda conforme Homero, todos esses focos que hoje estão espalhados poderiam ter sido evitados se as brigadas voluntárias fossem assistidas em suas necessidades. “E os mais de R$ 14 milhões teriam sido transformados em uma quantia bem menor. Outra coisa importante que achamos é que a gerência dos incêndios florestais deve ficar com a Defesa Civil e não com a Sema [Secretaria Estadual de Meio Ambiente], que tem se mostrado inclusive inapta para assumir essa tarefa. O bom senso do nosso governo agora seria a Defesa Civil voltar a ter essa função estabelecida”.

“Com os gastos que poderiam ter sido evitados, inclusive com as diárias de técnicos apadrinhados politicamente, pois de técnicos só o título, fato é que muita gente vai passar um Natal gordo à custa do meio ambiente, das comunidades e dos verdadeiros combatentes dos incêndios na Chapada Diamantina, que são as brigadas voluntárias”, completa Homero.

Confira imagens do fogo na Chapada Diamantina do brigadista Tarcísio (Cifa):

Fogo na Chapada
O panorama geral dado por Homero Vieira nesta quarta-feira (16) aponta que o fogo que atinge o Gerais do Machombombo, no município de Ibicoara, continua intenso e já ameaça as roças. “Na área do Baixão [também em Ibicoara] a informação que tenho é que está controlado, mas como lá é mata fechada temos uma bomba relógio e tem de ter muito cuidado para que ela não exploda”, revela o presidente da Cifa. Já as chamas que atingem a região de Lençóis seguem em direção a Andaraí. “O fogo de Lençóis está cada vez mais perto de Andaraí e o que atingia as margens do Paraguaçu [trecho de Andaraí] está parcialmente controlado”.

EPIs insuficientes
Homero diz que os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) prometidos pelo governo estadual estão sendo distribuídos, mas que os 400 kits disponibilizados são insuficientes. “Não podem ser distribuídos separadamente e são poucos, mas eu me preocupo mais, neste momento, com a vinda do Exército, pois é de fato o que pode resolver os incêndios atualmente”.

Jornal da Chapada

Leia também:
Rui Costa determina manutenção de efetivo no combate aos incêndios na Chapada Diamantina
Brigadistas da Defesa Civil Nacional já estão na Chapada Diamantina; confira situação atual
Fogo na Chapada: Vale do Capão está sem ameaças de incêndios; Lençóis ainda não recebeu EPIs
Fogo na Chapada: Incêndio em Jacobina avança e atinge distritos da região

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

6 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.