CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Polêmica: Secretário de Salvador pede desfiliação do DEM por justa causa e revela ser vítima de retaliação

O titular Léo Prates, que é deputado estadual licenciado, revelou detalhes de como acredita ter sido vítima dos correligionários.

Após afirmar que tem sido retaliado por filiados e membros do Democratas (DEM), o secretário de Saúde de Salvador, Leo Prates pediu a sua desfiliação por justa causa do partido. Ele enviou um ofício ao presidente estadual da sigla, o deputado federal Paulo Azi. O titular da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que é deputado estadual licenciado, revelou detalhes de como acredita ter sido vítima das retaliações dos correligionários. Ele, inclusive, traz recortes de matérias de veículos de imprensa.

Prates cita nomes como o vereador Alexandre Aleluia, e do então presidente do diretório municipal do DEM, Heraldo Rocha. Ele também cita o nome do deputado estadual Sandro Régis, que teria relatado a indicação do atual vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis, “sem nem ao menos ter sido realizada nenhum tipo de reunião para a escolha do nome ou, se ocorreu, sem a convocação do requerente [Prates]”. Ainda segundo o secretário, o diretório municipal da sigla o enviou uma notificação por conta de um tweet postado em junho de 2019.

O ofício, assinado pelo advogado Sávio Mahmed, pede que o DEM estadual apresente uma resposta até esta sexta-feira (6). Antes deste pedido, os bastidores políticos já consideravam a real possibilidade de Prates migrar para o PDT. Isto, inclusive, dependeria do aval do prefeito de Salvador, ACM Neto, presidente nacional do DEM. Prates já teve encontros com membros da alta cúpula do PDT, como o presidente Carlos Lupi e o vice Ciro Gomes. Jornal da Chapada com informações do site Bahia Notícias.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas